• Arquitetura

    Sexta-Feira, 18 de Agosto de 2017

    Diferente dos prédios ousados nas metrópoles globais, o novo projeto divulgado pelo Zaha Hadid Architects foi feito para acolher a natureza e proporcionar experiências sensoriais aos moradores.

    Intitulado “Alai”, o prédio residencial na Riviera Maya apresenta uma arquitetura inspirada nas tradições locais, respeitando os limites ecológicos para a construção.

    O projeto será realizado em um terreno previamente preparado por outra construtora que deixou o antigo complexo de lado, minimizando, assim, os danos no ecossistema. A reserva natural no entorno dos novos prédios permitem entradas diferenciadas, como a fluvial, via caiaques ou barcos pequenos.

    Outra saída para manter a natureza viva é a estrutura perfurada no térreo dos prédios, permitindo a entrada de luz para auxiliar o desenvolvimento da vegetação.

    Além das questões sustentáveis, o condomínio de luxo oferece espaços para a realização de atividades de lazer diversas, como passeios aventureiros, piscina infinita e academia. Um novo jeito de aproveitar a cultura mexicana.

    Fonte: http://casavogue.globo.com

    (0) Comentar
  • Arquitetura

    Segunda-Feira, 14 de Agosto de 2017

    O projeto contemporâneo de sistemas construtivos mistos e independentes, localizado em Chacras de José Ignacio, no Uruguai, combina estruturas de madeira e concreto, preservando a diversidade da arquitetura regional.

    Nas áreas externas foram criadas pérgulas que, de acordo com a posição do sol, projetam sobre as grandes paredes um grafismo mutante na forma de luz e sombra. Os enormes volumes perpendiculares, projetados para o exterior e com a cobertura única e altíssima, definem as áreas de convívio comunitário.

    Assinado pela arquiteta Cândida Tabet, do escritório que leva seu nome, o projeto tem ótima circulação. Salas e varandas estão interligadas por dois eixos comuns, transversal e longitudinal, conectando os moradores.

    As empenas da fachada foram revestidas com tijolos sem rejunte para garantir o destaque do material. São elas que definem os 4 volumes principais que resultam nas áreas funcionais como cozinha, sala de jantar e suítes. Os tijolos, acumulados em um grande cubo criam um mosaico.

    As amplas aberturas dos espaços internos proporcionaram à casa de veraneio o visual tradicional dos Pampas, facilitando a entrada do sol em todos os cômodos. As lajes de piso e assoalho do pavimento superior foram estruturados com madeira garapeira brasileira e os pergolados com pau roliço. Foi utilizada ardósia grafite – pedra brasileira – nas áreas molhadas para reforçar a arquitetura regional.

    No centro da sala, uma inusitada lareira de pedra está locada como ilha, com sua coifa suspensa por finos cabos de aço. A passarela que circunda o pavimento superior utiliza “inserts” metálicos na união da madeira com a estrutura de concreto, garantindo beleza na instalação construída em balanço.

    Fonte: http://www.galeriadaarquitetura.com.br

     

    (0) Comentar
  • Revestimentos

    Quinta-Feira, 10 de Agosto de 2017

    As COLUNAS são elementos fundamentais na arquitetura, com funções estruturais e decorativas. Inspirada nelas, a nova linha de elementos vazados e revestimentos COLONNA, da CASTELATTO, traz efeitos de VOLUMETRIA e MOVIMENTO únicos.

    Indicada para ser usada tanto em áreas externas como internas, seu formato em ESPIRAL favorece e valoriza os ambientes, gerando harmonia e ELEGÂNCIA.

    A linha Colonna está disponível nas texturas grezzo e etrusco; nas cores chumbo, cinza, fendi, areia e branco; nos seguintes formatos: parede 25 x 50 x 2 ou 25 x 50 x 6; coluna 25 x 50 x 10,5 ou 25 x 50 x 6.

    Venha até a Aldeia e encante-se com os produtos Castelatto!

    Fonte: Castelatto

    (0) Comentar
  • Arquitetura

    Segunda-Feira, 07 de Agosto de 2017

    Construído para abrigar o Festival de Música de Trancoso, o Teatro L’Occitane é um espaço que dificilmente passaria desapercebido.

    Localizado há 15 minutos do quadrado de Trancoso, o Anfiteatro sempre chamou atenção pelas formas esculturais projetadas pelo arquiteto François Valentiny, mas agora deve se destacar também pela Orquestra Sinfônica própria, que passou a existir no início de 2017.

    Com 254 metros quadrados e capacidade para 1000 pessoas, a casa de show possui dois palcos, um a céu aberto e outro coberto, além de 7 salas de ensaio com tratamento acústico e térmico e 1 salão para recepção de eventos e bar.

    As espessas paredes levaram 14 meses para ficar prontas e revelam em suas curvas não só a estratégia necessária para garantir a acústica perfeita para os espetáculos de música, mas também a admiração do arquiteto por Oscar Niemeyer.

    Nas laterais, fendas triangulares valorizam a paisagem e revelam a vegetação da Mata Atlântica que cerca o local, ao mesmo tempo que integra a construção à paisagem.

    Construído em meio ao luxuoso complexo Terravista, o Anfiteatro L’Occitane divide espaço com outros três condomínios, um aeroporto privativo e, segundo eles, o melhor campo de golfe da América Latina.

    Fonte: http://casavogue.globo.com

    (0) Comentar
  • Design

    Sexta-Feira, 04 de Agosto de 2017

    Assinada pelo arquiteto Ruy Ohtake, esta casa de 600 m² em Jurerê Internacional, Florianópolis, abusa não só das cores vibrantes, mas também das curvas – características marcantes não só nas obras de Ruy, mas também nas de sua mãe, a artista Tomie Ohtake.

    Habitada por um casal já com filhos adultos, e com um gosto especial por festas, a casa de dois andares foi decorada pela arquiteta e urbanista Roberta Zimmermann.

    Cercada por um amplo jardim, a área social, que ocupa todo o primeiro andar da casa, abriga em um só salão, sem nenhuma parede separando os ambientes, sala estar, jantar e TV, todos integrados pelas cores vibrantes e as formas curvas que estão tanto nos móveis quanto nas paredes e ajudam a destacar as amplas janelas de vidro em formatos orgânicos e bastante inusitados.

    Na sala ainda chama atenção o contraste entre a vivacidade das cores e a sobriedade do concreto, que se faz presente na escada, e da madeira, usada tanto na mesa de centro em formato de S quanto na mesa de jantar – também assinada por Ruy Ohtake.

    Dividida por uma parede de vidro, mas integrada pelo piso e pela presença do azul, do vermelho e do amarelo, há ainda uma ampla varanda com piscina e churrasqueira, que de tão equilibradas com o estilo do décor poderiam fazer parte da sala sem nenhum estranhamento.

    Na parte externa vale destacar ainda o uso das pastilhas, que não só enchem de cor a parede da churrasqueira e da varanda, mas também se estendem do piso da piscina para o muro criando uma espécie de fundo azul infinito.

    Descontraída, moderna e sofisticada ao mesmo tempo, esta é uma casa cheia de personalidade. Um lar no qual podemos ver com facilidade família e amigos reunidos, seja para um almoço descompromissado a beira da piscina, seja para um requintado jantar.

    Fonte: http://casavogue.globo.com

    (0) Comentar
  • Revestimentos

    Quinta-Feira, 03 de Agosto de 2017

    Há 50 anos no mercado, atualmente a CERÂMICA ATLAS é conhecida como a indústria de PASTILHAS de porcelana e REVESTIMENTO cerâmico que atingiu o mais alto nível de qualidade, volume, grande variedade de formatos, desde as pequeninas pastilhas de porcelana, as únicas fabricadas no Brasil com tamanho 1,5 x 1,5 cm até os revestimentos cerâmicos com 5 x 23 cm.

    Mas para conseguir esse reconhecimento percorreu uma longa trajetória, marcada por muito trabalho, superação e sucesso.

    No início a Cerâmica Atlas possuía uma área de 400 m² e fabricava 12.000 m² por mês de um único tipo de revestimento, pastilhas de porcelana no formato 2 x 2 cm, e atendia construtoras que utilizavam esse produto para revestir fachadas de prédios.

    Atualmente com 53.523 m² de área coberta, a sua produção é de 450.000 m²/mês e atende construtoras (fachadas internas e externas de edifícios), revendas e boutiques de revestimentos cerâmicos que tem como público arquitetos, designers e consumidores finais.

    Venha até a Aldeia e saiba mais sobre a Cerâmica Atlas!

    Fonte: Cerâmica Atlas

     

    (0) Comentar
  • Arquitetura

    Segunda-Feira, 31 de Julho de 2017

    O restaurante “The Redwoods Treehouse” foi construído numa sequoia como uma “casa na árvore”. Situado à beira de uma mata, ao norte de Auckland, na Nova Zelândia, a estrutura teve todo seu conceito baseado nas fábulas infantis e nas formas da natureza.

    A estrutura foi feita para uma campanha da empresa Yellow Pages, serviço de páginas amarelas neozelandês, em 2008. A pedido da empresa, todos os materiais e serviços utilizados pelos arquitetos do escritório Pacific Environments Architects foram solicitados através da publicação. Quando a campanha chegou ao fim, o local passou a funcionar como um restaurante.

    A estrutura, que tem forma de casulo, foi construída a 10 metros de altura em uma floresta de sequoias. Uma enorme árvore da espécie, com mais de 40 metros de altura e 1,7 metros de diâmetro, foi a escolhida para abrigar a casa na árvore.

    O acesso ao restaurante é feito por meio de uma passarela elevada a sessenta metros de altura. O hall principal, que se encontra em uma das maiores árvores do topo do vale, abriga confortavelmente trinta pessoas, mais a equipe de garçons. A cozinha, os banheiros e serviços estão localizados no nível do solo.

    O formato do restaurante foi inspirado em muitas formas encontradas na natureza, como a crisálida (casulo em que a lagarta se transforma em borboleta), e as conchas do mar.

    A planta do restaurante é circular, com quase 10 metros de largura e com pé direito de 12 metros de altura. Foram utilizadas treliças de madeira para fazer o salão principal. As ripas curvas do exterior foram feitas de pinho laminado. Toda a estrutura foi fixada à árvore com peças metálicas, tanto na parte superior, como na parte inferior.

    Durante o dia, o local fica praticamente camuflado à paisagem. Já de noite, se parece com uma lanterna, brilhando em meio à mata.

    Fonte: http://ciclovivo.com.br

     

    (0) Comentar
  • Arquitetura

    Sexta-Feira, 28 de Julho de 2017

    Aproveitando uma grande base de pedra existente, os arquitetos do escritório Cadaval & Solà-Morales projetaram um belíssimo exemplar de residência contemporânea cheia de vistas generosas para a paisagem montanhosa do vilarejo alpino de Canejan, no norte da Espanha.

    Construída para atender a necessidade de um pai e um filho que desejavam morar no mesmo local, mas em espaços diferentes, a casa possui acessos independentes para as duas moradias e cada fachada foi trabalhada individualmente.

    Inspirados pela tipologia de construção histórica do local e pelos novos métodos de construção vernacular, os arquitetos conseguiram com sucesso criar uma arquitetura feita com materiais abundantes no local que irão resistir ao clima extremo da região.

    Concluída em 2010, a Casa nos Pirineus conta com um grande telhado íngreme acompanhando o modelo de construção local com aberturas zenitais e fachadas envidraçadas para viabilizar a entrada de luz.

    Fonte: http://www.arquiteturasustentavel.org

    (0) Comentar
  • Arquitetura

    Segunda-Feira, 24 de Julho de 2017

    Um modelo de casa contemporânea e totalmente cercada por verde. É com inspiração em uma casa na árvore que o escritório de arquitetura Malan Vorster projetou uma residência sustentável na Cidade do Cabo, na África do Sul.

    Chama atenção neste projeto o formato de torres cilíndricas, a estrutura de madeira que remete à verticalidade das árvores.

    Para dar ainda mais a sensação de casa suspensa, a entrada é feita por uma rampa de aço e madeira.

    Os ambientes circulares dentro da casa criam um ambiente orgânico e natural ao contexto do entorno.

    Há bastante janelas e vidraças, o que facilita a entrada de luz natural. Além disso, propicia uma bela visão do verde e de um tranquilo lago. A construção está sendo chamada de “clareira na floresta”.

    As torres que formam a “Paarman Treehouse” são construídas com chapas de aço e piso de madeira. Há lacunas de madeira maiores em espaços de lazer e espaçamento menor em locais de maior privacidade, como é o caso do quarto.

    Não bastasse a bela construção, a decoração da casa também segue um estilo minimalista. Com móveis de madeira, poucos objetos e cores sóbrias a conexão com a natureza fica ainda mais presente.

    Fonte: http://ciclovivo.com.br

     

    (0) Comentar
  • Revestimentos

    Quinta-Feira, 20 de Julho de 2017

    Os porcelanatos que reproduzem o aspecto e a textura do METAL são tendência na arquitetura contemporânea. A decoração em estilo INDUSTRIAL vem ganhando força nos últimos anos.

    Mas foi entre as décadas de 50 e 70 que o estilo chegou à decoração, tudo graças às transformações de galpões e estúdios em interessantes lugares para morar.

    Para ajudar a compor esse cenário, os porcelanatos inspirados em metais são a escolha certa. A CERÂMICA PORTINARI possui o maior e mais diversificado portifólio de metais em porcelanato.

    São seis coleções que passam pelos visuais de chapas pintadas de branco e preto com oxidação, aço corten, metal industrial, até os sofisticados tons de dourado. Sem esquecer, é claro, das peças com relevo.

    O leque de OPÇÕES para utilização é enorme: chão, paredes, fachadas, bancadas, painel de TV, detalhes, lareiras, churrasqueiras, hall de entrada etc.

    Venha até a Aldeia e surpreenda-se com os produtos da Cerâmica Portinari!

    Fonte: Cerâmica Portinari

    (0) Comentar
  • Posts anteriores
  • Loja Goiânia

    (62) 3093 1717

    Newsletter

    Para receber as novidades da Aldeia, cadastre seu e-mail aqui: