• Sustentabilidade

    Terça-Feira, 02 de Fevereiro de 2016

    De olho no aumento da CONTA DE ÁGUA e com uma consciência cada vez maior sobre os PROBLEMAS HÍDRICOS, o consumidor tem buscado mais e mais produtos que ajudam na tarefa diária de REDUZIR o consumo.

    O mercado oferece uma série de produtos que garantem um USO RACIONAL da água e o RECONDICIONAMENTO de hábitos dos usuários. A DOCOLinveste alto emPRODUTOS ECONOMIZADORES DE ÁGUAe traz um mix completo que pode ajudar nessa tarefa.

    CHUVEIRO BELLAR: O produto acompanha um RESTRITOR DE VAZÃO constante de 12 litros por minuto, isso significa que independente da pressão do local onde for instalado, a vazão se manterá.

    BLEND FLEX: Essa linha de TORNEIRAS e MISTURADORES une DESIGN, TECNOLOGIA e USO RACIONAL da água. Permite que o usuário escolha entre acionar o produto girando o volante, para uso convencional, ou pressionando-o, dessa forma o fechamento é automático, economizando cerca de 70% de água.

    ACABAMENTO PARA VÁLVULA DE DESCARGA SALVÁGUA:Tecnologia de DUPLO ACIONAMENTO que libera o fluxo total (para sólidos) ou parcial (para líquidos). Sua instalação não depende de reformas ou quebras de parede e a sua economia chega até 60% no consumo de água.

    REGISTRO REGULADOR DE VAZÃO: Uma EXCELENTE OPÇÃO para quem quer ECONOMIZAR água mas não pretende trocar os produtos que JÁ POSSUI em casa. Vendido separadamente, pode ser instalado em chuveiros e torneiras, garantindo uma vazão constante e economia de até 70% de água.

    Venha até a Aldeia e conheça mais sobre os produtos economizadores da Docol!

    Imagens: Docol / Reprodução / Divulgação.

    (0) Comentar
  • Sustentabilidade

    Sexta-Feira, 29 de Janeiro de 2016

    Além de exuberantes, os jardins verticais têm se mostrado uma ótima maneira de abandonar medidas não sustentáveis de refrigeração, como a utilização do ar-condicionado: a sua implantação pode, por exemplo, diminuir a temperatura de um ambiente em até 30%.

    As grandes cidades pedem mudanças em seus edifícios e a boa notícia é que isso já está acontecendo!

    Grupos de pesquisa na Espanha e na Inglaterra estão empenhados em disseminar materiais de construção biorreceptivos, capazes de receber e estimular o crescimento de musgos, microalgas e fungos liquenizados em seus interiores, transformando qualquer estrutura em um jardim vertical.

    A ideia é aproveitar e integrar a função desses seres vivos como filtros naturais do CO2 e controladores térmicos nas construções urbanas.

    O concreto verde é a combinação de um material composto de fosfato de magnésio, o MPC, usado em reparos estruturais de edifícios por secar rapidamente, e o concreto tradicional de cimento, com o diferencial de ser tratado com CO2 em um ambiente controlado com 65% de umidade relativa do ar.

    Essa composição é feita para deixar o concreto verde menos ácido, o que acelera o crescimento dos musgos, líquens e fungos.

    O laboratório inglês BiotA Lab de pesquisas voltadas a arquitetura, biologia e engenharia da University College London, está trabalhando no conceito de materiais biorreceptivos.

    A proposta, além de ser mais barata a longo prazo, é uma resposta para a demanda crescente nas cidades por mais verde e qualidade de vida no contexto do combate à poluição e às mudanças climáticas.

    Imagens: Reprodução / Divulgação.

    (0) Comentar
  • Sustentabilidade

    Segunda-Feira, 18 de Janeiro de 2016

    Viajar é conhecer outras culturas, outros lugares e, se possível, se desconectar dos problemas, da tecnologia e da rotina, mesmo que seja por poucos dias.

    Pensando em transformar essa experiência em algo único para seus hóspedes, um hotel em Hesse, na Alemanha, oferece quartos diferentes para quem deseja uma experiência mais “verde”.

    No meio da floresta, em cima de árvores, as cabanas do Robin’s Nest Treehouse Hotels têm feito sucesso não apenas pelo sistema, mas também pelo sossego, simplicidade e conforto.

    O hotel oferece 7 acomodações rústicas, distintas entre si, sendo que três delas são suspensas. Em comum, apenas a mobília de madeira, o aquecedor e a eletricidade. Os banheiros e chuveiros são compartilhados, ficando numa área comum do local, no melhor estilo “hostel”.

    Para garantir uma experiência completa e desconectar os hóspedes do mundo virtual, o hotel não oferece Wi-Fi. Assim, é possível conectá-los apenas à natureza.

    A ideia surgiu quando o dono, Peter Becker, que gerenciava um bar em Berlim, resolveu ir para a floresta. No local, ele construiu seu recanto ao longo de seis meses com a ajuda de amigos. Segundo os relatos, ele não parou as obras nem mesmo em períodos de chuva e de neve intensa.

    Atualmente, Becker vive tranquilamente sozinho no local e afirma que sua qualidade de vida melhorou 100%.

    Imagens: Divulgação.

    (0) Comentar
  • Sustentabilidade

    Sexta-Feira, 04 de Dezembro de 2015

    Da preocupação em criar sistemas de edificação que reduzam o impacto da construção civil sobre o meio ambiente surgiu um projeto ambicioso de transformar contêineres em moradias. Fabricadas no Brasil, as casas são feitas de material reciclado, lã de pet e utilizam recursos de reaproveitamento de água.

    Além do apelo sustentável, o que chama atenção das pessoas é que os projetos são exclusivos, preços atraentes e agilidade na entrega. Com uma economia de 40% sobre o valor de uma construção convencional, esse conceito em moradia é de rápida instalação: em até 30 dias o cliente recebe a estrutura pronta para morar.

    Há dois tipos de abastecimento de água, luz e esgoto. O primeiro, mais comum por ser de baixo custo, ocorre por meio de uma espécie de tomada, conectando o contêiner ao sistema de geração destes recursos. Já o segundo, que exige um projeto mais elaborado, utiliza captação de energia solar ou gerador e necessita da criação de um sistema hidráulico próprio.

    A mobilidade também merece destaque. Caso o cliente opte pelo abastecimento mais comum de água, luz e esgoto, a casa funciona como um “aparelho eletrônico”, que pode ser desconectado e conectado em outro lugar. É possível escolher de acordo com a necessidade e o poder de compra de cada cliente.

    As moradias em contêiner já são uma tendência mundial. Muitos países utilizam esse modelo há anos, mas, além das moradias, lojas, academias, showrooms e restaurantes já desenvolveram projetos inovadores com forte apelo visual. O pensamento sustentável mais forte dessa geração, constantemente preocupada com as gerações futuras, levou os comerciantes a também buscarem alternativas que impactem os consumidores e tragam benefícios ao meio ambiente.

    Imagens: Divulgação.

    (0) Comentar
  • Aldeia Verde

    Sexta-Feira, 11 de Setembro de 2015

    O último dia da Aldeia Verde fechou com chave de ouro a temporada 2015! Estudantes e profissionais compareceram em peso ao evento, prestigiando a palestra da convidada da Deca, Fátima Barnabé.

    Abordando o tema “Macrotendências 2015 – Sustentabilidade e Design”, Fátima encantou a todos com sua simpatia e domínio impressionante sobre o assunto. Um encerramento digno do público que esteve presente!

    Agradecemos a todos que participaram desta edição da Aldeia Verde! E esperamos encontrá-los novamente nas próximas que virão!

    Fátima Barnabé com as diretoras da Aldeia, Silian Santos e Marisete Naves

    (0) Comentar
  • Aldeia Verde

    Quinta-Feira, 10 de Setembro de 2015

    SENSACIONAL: esse é o melhor adjetivo para definir o SEGUNDO DIA da ALDEIA VERDE 2015!

    Com a CASA CHEIA, o palestrante da noite MARCO ARTIGAS FORTI, convidado da DOCOL, encantou a todos com seu conhecimento, simpatia e simplicidade. Neto do arquiteto Vilanova Artigas, Marco ainda autografou o livro que leva o nome de seu avô, do qual é coautor.

    Marisete Naves, Marco Artigas Forti e Silian Santos

     

    Agora, rumo à terceira noite da temporada!

    (0) Comentar
  • Aldeia Verde

    Quarta-Feira, 09 de Setembro de 2015

    O PRIMEIRO DIA da ALDEIA VERDE 2015 foi simplesmente incrível!

    O número de INSCRITOS superou todas as EXPECTATIVAS e a palestra de LUIZ HENRIQUE MANETTI, convidado da PORTOBELLO, foi riquíssima, digna de muitos elogios!

    Marisete Naves entre Luiz Henrique Manetti e Manoel Pedroso, estes, da Portobello

     

    E que venham os próximos dias desta 7ª temporada!

    (0) Comentar
  • Aldeia Verde

    Terça-Feira, 08 de Setembro de 2015

    A 7ª temporada acontecerá nos dias 08, 09 e 10 de setembro, na Aldeia Acabamentos!

    (0) Comentar
  • Aldeia Verde

    Segunda-Feira, 07 de Setembro de 2015

    O TERCEIRO DIA da ALDEIA VERDE 2015 contará com a palestra de FÁTIMA BARNABÉ, convidada da DECA, que encerrará a temporada deste ano falando sobre “Macrotendências 2015 – Sustentabilidade e Design”!

    Arquiteta e Urbanista formada pela Universidade de São Paulo (FAU USP), Fátima é especialista no segmento de louças e metais sanitários. Atua na Deca há 20 anos e coordena a participação da empresa em eventos para o especificador – Casa Cor (mostras nacionais e internacionais), Concurso “Estudos de Um Banheiro” e Prêmio “Um Sonho de Banheiro” – além de estar à frente da coordenação da Equipe de Especificação da Deca, que atua em todo o Brasil.

    (0) Comentar
  • Domingo, 06 de Setembro de 2015

    O SEGUNDO DIA da temporada da ALDEIA VERDE 2015 terá a palestra de MARCO ARTIGAS FORTI, convidado da DOCOL, cujo tema será “Sustentabilidade na perspectiva do arquiteto Vilanova Artigas”!

    Marco Artigas é arquiteto formado pela Escola da Cidade e pós-graduado pela Universitat Politècnica de Catalunya (Barcelona). Trabalhou como arquiteto no escritório Piratininga Arquitetos Associados com projetos em colaboração com o arquiteto Paulo Mendes da Rocha, no escritório Josep Ferrando Architecture (Barcelona) e participou de estágio no Centro de Tecnologia da Rede Sarah (Salvador-Bahia), com o arquiteto João Filgueiras Lima (Lelé). Foi Professor Assistente na disciplina de Projeto para o primeiro ano na Escola da Cidade entre 2011-12. Ministra o curso livre Arquitetura Paulistana e atualmente trabalha no seu próprio escritório, desenvolvendo projetos de arquitetura e urbanismo.

    (0) Comentar
  • Posts anteriores
  • Loja Goiânia

    (62) 3093 1717

    Newsletter

    Para receber as novidades da Aldeia, cadastre seu e-mail aqui: