• Viagem

    Domingo, 04 de Novembro de 2018

      Foto: Tomas Havel

    Lofoten é um arquipélago e um distrito do condado de Nordland na Noruega. Embora esteja situado no Círculo Polar Ártico, o arquipélago experimenta uma das maiores variações de temperatura do mundo em função de sua elevada latitude. As ilhas Lofoten são caracterizadas por suas montanhas e picos, enseadas protegidas, faixas litorâneas e vastas áreas virgens. O Parque Nacional Moysalen, ao norte das ilhas, tem montanhas que chegam a 1262 m. Oferece oportunidades únicas para montanhismo e escaladas. Tem 24 horas de luz do sol no verão e espinhaços, picos e geleiras semelhantes aos dos Alpes.

    (0) Comentar
  • Viagem

    Domingo, 30 de Setembro de 2018

    A Capadócia é uma região da Turquia conhecida por sua singular paisagem lunar, suas cidades subterrâneas que serviram de abrigo aos antigos cristãos, bem como suas casas e igrejas escavadas nas rochas. As viagens de balão são um modo original e estimulante de conhecer a região. As viagens em geral duram cerca de 1h30 e custam por volta de EUR 220. Passeios mais curtos, de 50-60 minutos, custam em torno de EUR 150. Em 1985, o Parque Nacional de Göreme, uma das áreas mais famosas da região, com 9.576 ha, foi declarada Patrimônio Mundial pela UNESCO.

    Foto: Jennifer Tuffen

     

    Via: Destinos Imperdíveis

    (0) Comentar
  • Arquitetura

    Segunda-Feira, 18 de Junho de 2018

    O hotel Morpheus, assinado por Zaha Hadid Architects (ZHA), foi inaugurado na última semana em Macau, na China. O edifício de forma retangular, localizado no complexo de resorts City of Dreams -- que conta com cassino, teatros, área comercial, 20 restaurantes e quatro hotéis --, ganhou três vãos que exploram a integração entre interior e exterior, resultado de uma pesquisa de 40 anos do escritório. Estes vãos também viabilizam que mais suítes possam ter as vistas espetaculares da cidade e garantem uma distribuição de espaço igual em ambos os lados do edifício.

    (Ivan Dupont/Zaha Hadid Architects)

    O Morpheus tem 40 andares, respeitando regras de planejamento urbano locais de limite de altura. São 770 quartos, suítes e vilas, além de instalações para reuniões e eventos, salas de jogo, átrio, restaurantes, spa e piscina na cobertura.

    (Virgile Simon Bertrand/Zaha Hadid Architects)

    (Virgile Simon Bertrand/Zaha Hadid Architects)

    Os doze elevadores de vidro do átrio proporcionam aos hóspedes vistas impressionantes do interior e do exterior do hotel enquanto viajam entre os vazios do edifício. Os lounges e os bares e restaurantes, comandados por renomados chefs como Alain Ducasse e Pierre Hermé, também contam com essa conexão intensa entre interior e exterior.

    (Virgile Simon Bertrand/Zaha Hadid Architects)

    Para Lawrence Ho, presidente e CEO da Melco Resorts, que opera o Morpheus, o novo hotel oferece uma viagem para a imaginação, agrada o olhar e excita os sentidos. “É uma obra prima contemporânea para ser apreciada por muitas gerações”, diz.

    (Ivan Dupont/Zaha Hadid Architects)

    (0) Comentar
  • Viagem

    Quarta-Feira, 13 de Junho de 2018

    O maior cruzeiro do mundo está programado para sair de Londres em agosto de 2019 e escalado para passar por 6 continentes, 59 países e 113 portos em uma viagem de 254 dias – o que equivale a mais de 8 meses.

    (Divulgação/Viking Cruises)

    São esperados em torno de 1.000 passageiros para a aventura, que ficarão hospedados no Sun, navio de luxo mais recente da empresa Vikings, com 227 metros e 9 deques. A embarcação conta com duas piscinas, spa escandinavo, biblioteca, teatro e diversos lounges, bares e terraços que podem ser explorados pelos hóspedes. Além disso, são 8 opções de restaurantes dentro do navio e algumas das opções de cabines já estão esgotadas.

    (Divulgação/Viking Cruises)

    As tarifas vão de 92.900 até 269.960 mil libras (R$ 450 mil e R$ 1,3 milhão, respectivamente) e  cobrem excursões, alimentação e outros tipos de amenidades, vôos internacionais para chegar a Londres e transfers de carro até o navio, além de wi-fi durante toda a viagem. O cruzeiro contará com excursões em todos os portos e irá pernoitar em 22 cidades (Rio de Janeiro incluso!), permitindo que os viajantes conheçam também da vida noturna dos países.

    (Divulgação/Viking Cruises)

    Entre os locais visitados nesta grande volta ao mundo estão cidades conhecidas pelas suas belezas naturais, como Antigua, Bora Bora e também Ushuaia, na Argentina, o local mais extremo sul da América do Sul. Todos os pacotes já possuem incluso um passeio em cada porto visitado, o que garante que os viajantes aproveitem de fato 113 lugares diferentes do planeta.

     

    (0) Comentar
  • Dica

    Sexta-Feira, 13 de Abril de 2018

    O Aurora Station é um hotel especial – e espacial. A partir de 2021, essa estação espacial, cujo nome remete ao fenômeno da aurora boreal, passa a receber hospedes. Responsável pelo projeto, a Orion Span anunciou que já aceita pré-reservas para a viagem de 12 dias para o espaço.

    O hotel faz parte de um estação espacial totalmente modular e poderá hospedar 6 pessoas por vez, incluindo 2 membros da equipe. Durante a estadia, os hóspedes poderão experimentar gravidade zero, voar livremente pela estação e observar as auroras do sul e do norte através das janelas.

    A uma distância de cerca de 320 quilômetros da superfície da Terra, o Aurora Station irá proporcionar outro fenômeno curioso: os hóspedes poderão ver o nascer e o por do sol 16 vezes ao longo de 24 horas.

    Antes de decolar, os viajantes devem participar de um programa de três meses, entre uma fase online e outra presencial, realizada no centro de treinamento da Orion Span, em Houston, Texas.

    Após o lançamento, o hotel entrará em operação imediatamente, recebendo viajantes o mais rápido  e com um preço mais baixo do que nunca”, contou Frank Bunger, fundador da Orion Span, ao site Lonely Planet sobre o empreendimento espacial. 

    A experiência e a hospedagem no Aurora Station custará 9,5 milhões de dólares (cerca de 32,2 milhões de reais) por pessoa. Para garantir a pré-reserva, é necessário um depósito de 80 mil dólares. Achou muito? Pois saiba que já há uma lista de espera de 4 meses para tentar embarcar na viagem.

     

    Fonte: Site RG

    (0) Comentar
  • Viagem

    Sexta-Feira, 06 de Abril de 2018

    Inspirada na intervenção artística de Águeda, em Portugal, um céu de sombrinhas é a mais recente atração turística na nossa linda Porto de Galinhas, um dos destinos mais procurados do Litoral Sul pernambucano! Além da sombra muito bem vinda, o colorido traz uma atmosfera lúdica e agradável.

    O projeto  foi uma iniciativa dos empresários do ramo gastronômico. A intenção é promover a cultura local e atrair mais turistas para a rua que contém inúmeros bares e restaurantes.

     

     

    (0) Comentar
  • Curiosidades

    Sábado, 03 de Março de 2018

    Cairo é a capital do Egito e da província homônima. É a maior cidade do mundo árabe e da África. As principais atrações da cidade são as Pirâmides de Gizé, situadas a uns 20 quilômetros ao sudoeste da capital. A Grande Pirâmide de Quéops é considerada como uma das Sete Maravilhas do Mundo Antigo.

    Foto: James Cruz

    A cidade é um museu aberto composto por uma mistura de antigo e moderno, que convivem nos bairros, ruas, ruelas e becos. Várias das principais atrações da cidade se aglomeram no denominado centro histórico, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

     

    Fonte: Destinos Imperdíveis

    (0) Comentar
  • Viagem

    Quarta-Feira, 14 de Fevereiro de 2018

    O castelo de Neuschwanstein, no sul da Baviera, é provavelmente uma das atrações mais fotografadas da Alemanha. Foi construído por Luís II da Baviera no século XIX, inspirado na obra de seu amigo e protegido, o grande compositor Richard Wagner. A arquitetura do castelo possui um estilo fantástico, que serviu de inspiração para o Castelo da Cinderela, símbolo dos estúdios Disney.

    Foto: Senai Senna

    O complexo do castelo estende-se por 6.000 metros quadrados, divididos em quatro andares e numerosas torres, com uma altura que atinge os 80 metros. Outra atração de Neuschwanstein é a gruta com pequenas cascatas e iluminação colorida, que transmite a ilusão de se estar em uma gruta de estalactite.

     

    (0) Comentar
  • Arquitetura

    Terça-Feira, 30 de Janeiro de 2018

    O que arquitetura e gastronomia têm em comum? Bom, para o Café Pouchkine, que acaba de ganhar uma parisiense, a resposta é simples: Tudo! O conhecido restaurante e café inaugurou uma flagship oficial na Place de la Madeleine, coração de Paris, e agora oferece cafés e chás em um ambiente impressionante de 600 metros quadrados. O ambiente é composto por uma loja de doces, um espaço para chás e um restaurante, abertos do café da manhã ao jantar. O novo café ainda é muito próximo de hotéis tradicionais da cidade, como o Ritz e o Crillon. Vai ser difícil não se render ao décor clássico do café na sua próxima viagem a Paris!

    A Maison Pouchkine já é conhecida na cidade, tendo filiais no Carrousel du Louvre, que imortalizou por exemplo sua famosa Pavlova Mont-Blanc. Mas uma flagship — filial responsável por representar fielmente e com o maior luxo possível o que uma marca ou iniciativa representa — é sempre um momento especial. 

    Essa novidade vem para estreitar as relações culturais entre a França e a Rússia. O café foi criado por Andrei Dellos em Moscou, em 1999, com uma mistura de estilos, culinárias e inspiração dos dois países. Para quem se pergunta sobre a origem do nome: ela é curiosa! É uma homenagem ao poeta russo Alexander Pouchkine — que também inspirou a canção Nathalie, do francês Gilbert Bécaud, na qual ele citava um Café Pouchkine que, em 1964, ainda não existia. Muito propícia foi a criação de Dellos — já que a canção e o poeta ficaram imortalizados na história da França e da Rússia.

    A filial em Paris quis manter a linha clássica e a decoração de ares de palacete, com o devido estilo de  ambiente  intimista para visitantes. Quem é apaixonado pela decoração do final do século 18 e do início do século 19 não pode deixar de conhecer o local: alguns dos mais tradicionais artistas e artesãos da Rússia foram contratados para decorar e pintar o espaço ou restaurar móveis e antiguidades garimpadas especialmente para lá.

     

     

    (0) Comentar
  • Viagem

    Sábado, 06 de Janeiro de 2018

    Já assistiu ao filme Operação Big Hero? Ele é uma comédia de ação e aventura, que se passa na cidade high-tech de São Fransokyo, uma mistura de São Francisco e Tóquio. Após se tornar um hit da Disney, a visão da Golden Gate Bridge em meio à arquitetura de estilo japonês inspirou a Expedia, uma empresa de viagens e tecnologia norte-americana, sediada em Bellevue, a criar algumas fusões próprias.

    O  Expedia reimaginou 14 capitais icônicas do mundo, combinando suas arquiteturas em cidades híbridas, assim como no filme. Na série, capitais como Rio de Janeiro e Londres se misturam em cenários vibrantes para criar um destino verdadeiramente único. 

    Abaixo, confira sete ilustrações feitas pelo Neomam Studios que mostram o resultado final do mix entre Rio de Janeiro e Londres, Bangkok e Nova York, Cape Town e Roma, Sydney e Marrakech, Dubai e Paris, Moscou e Istambul, e Seul e Delhi.

     

    1. Rio Londoneiro – Rio de Janeiro e Londres

    Esse destino, é para aqueles que querem relaxar e relaxar, mas também experimentar cultura e museus. Na cidade híbrida, você pode passar um dia tomando sol na praia de Copacabana, sob o olhar atento do Cristo Redentor, e depois completar o bronzeado com muitas atrações turísticas e passeio no London Eye, admirando a vista espetacular dos edifícios famosos desta incrível cidade.

     

    2. Bang York – Bangkok e Nova York

    Essa cidade é tão legal que a nomearam duas vezes. Há muito para ver e fazer por lá. É a cidade que nunca dorme e, por sorte, nunca falta cafés e lugares para comer. Durante a manhã um trajeto mais zen, visitando alguns dos 400 templos budistas da cidade. Em seguida, passeio no Central Park, onde se encontra de tudo, desde trilhas até zoológico e pontos perfeitos de piquenique. Quando a noite cai, um show da Broadway e as luzes brilhantes da cidade são bons programas de se admirar.

     

    3. Cape Roma – Cape Town e Roma

    Se é um romance que você deseja, vale uma pausa na cidade de Cape Roma, a perfeita cidade híbrida da Cidade do Cabo e de Roma. É possível caminhar a dois pelas ruínas clássicas, palácios renascentes e fontes barrocas. À noite, a culinária não deixa a desejar - este porto histórico tem tudo. As vistas e os gostos desta magnífica cidade fazem do Cabo Roma uma das cidades mais românticas do mundo.

     

    4. Sydnakech – Sydney e Marrakech

    Sydney com Marrakech é igual a Sydnakech, a cidade híbrida que leva você a uma jornada pelo tempo com sua combinação única de arquitetura antiga e nova. Há apenas um lugar para começar: nenhuma viagem a esta cidade está completa sem uma caminhada sobre a Harbour Bridge no caminho para a icônica Opera House. Depois disso, é hora de fazer compras. Sydnakech é o lar de algumas das melhores e mais autênticas lojas do mundo. Não há fim para a elegância desta cidade, as telhas, fontes e motivos florais tornam tudo mais lindo para se conhecer.

     

    5. Dubaris – Dubai e Paris

    Dubaris é o lugar para quem tem paixão pela arquitetura. Esta cidade híbrida criada a partir de Dubai e Paris apresenta exemplos de arquitetura da Idade Média aos dias modernos. Para começar, a icônica Torre Eiffel é imperdível. Dá para pegar um elevador até o topo e ver a cidade a partir do céu! Dubaris está cheio de marcos, mesquitas majestosas e, claro, o edifício mais alto do mundo, o Burj Khalifa.

     

    6. Moscanbul – Moscou e Istambul

    Moscanbul é realmente um presente inesquecível para os olhos, como já é de se esperar de uma cidade híbrida criada a partir de Moscou e Istambul. Esta é uma cidade movimentada com muito para ver e fazer. Existem inúmeras mesquitas históricas, sinagogas, palácios, castelos, torres e mercados para verificar, é necessário que o visitante planeje o seu tempo de acordo.

     

    7. Seoulhi – Seul e Delhi

    Criado de Seul e Delhi, Seoulhi está evoluindo rapidamente, mas tem um pé firmemente enraizado no passado. Por um lado, a cidade possui uma enorme coleção de arquitetura futurista. Andar por lá pode fazer com que o viajante se sinta como um personagem no novo filme do Blade Runner. Mas logo já volta no tempo para a cidade velha, onde pode tomar chá e explorar as muitas eras da arquitetura antiga que o setor histórico tem para oferecer.

     

    Agora, se você estava sonhando com um passeio para alguns desses destinos, vai ficar mais fácil planejar a viagem perfeita!

    (0) Comentar
  • Posts anteriores
  • Loja Goiânia

    (62) 3093 1717

    Newsletter

    Para receber as novidades da Aldeia, cadastre seu e-mail aqui: