• Domingo, 22 de Março de 2015
    Para os dias mais frios, uma delícia típica da Suíça!

    O raclette ou a raclette. As duas grafias estão corretas. O significado, porém, é diferente. O raclette é um queijo; a raclette é um prato originalmente suíço – uma combinação de diversos ingredientes com queijo derretido, o já mencionado raclette.

    Esse queijo peculiar tem consistência relativamente firme, mas é ao mesmo tempo macio e cremoso. De cor dourada ou marfim e com poucos buracos, seu sabor depende de amadurecimento e pode ser bastante frutado e aromático. O queijo perfeito deve apresentar um anel bege escuro em sua volta. E não pode ter rachaduras.

    A palavra raclette vem do francês racler, raspar. Da mesma forma que há controvérsias sobre a origem da fondue, este delicioso prato também traz mistério em seu passado: pode ter surgido tanto há um, como há três séculos.

    Há registros medievais sobre uma refeição nutritiva à base de queijo, consumida por pastores: eles tinham o hábito de levar o queijo consigo quando transportavam o gado de uma pastagem a outra, subindo as montanhas. À noite, ao redor da fogueira, derretiam o queijo no fogo e raspavam pão sobre as partes derretidas, reforçando as energias para o dia seguinte. Desde então, a raclette desceu as montanhas, foi para o lado dos cantões suíços de língua alemã e atravessou fronteiras.

    Na Suíça os restaurantes tradicionais servem raclette à moda da casa: com um suporte próprio, derretem e exibem o queijo para toda clientela ficar com água na boca. Atendem pessoalmente um a um. Bastante popular naquele país e menos conhecida entre nós, a raclette, por lá, compete com a fondue. Entre os suíços, fica impossível identificar as preferências, eles não têm opinião formada, mas consideram ambas as especialidades “patrimônio nacional”.

    Hoje em dia, modernos aparelhos elétricos fazem as vezes das antigas chamas. Eles podem servir até oito pessoas e, dispostos no centro da mesa, atendem a cada um individualmente com pá e espátula. É um instrumento prático e seguro: o queijo, dentro da pá, é introduzido embaixo da grelha elétrica, até derreter.

    Comentários

    • Não há comentários para esta postagem.

    Deixe seu comentário, sobre esta matéria.

    (0) Comentarios
Loja Goiânia

(62) 3093 1717

Newsletter

Para receber as novidades da Aldeia, cadastre seu e-mail aqui: