• Geral

    Sexta-Feira, 09 de Março de 2018
    Mês da Mulher Aldeia

    No mês de março nós postaremos aqui mulheres que foram pioneiras em suas profissões e ações e que continuam ou podem inspirar outras mulheres a serem o que quiserem ser.

    Maud Wagner, a primeira tatuadora dos EUA, em 1907.

     

    A norte-americana Maud Wagner, nascida em 1877 em Lyon, no Kansas, foi a primeira tatuadora mulher dos Estados Unidos de que se tem conhecimento. Antes de começar a trabalhar com este tipo de arte, Maud era artista de circo, e viajava o país com diversos espetáculos. E foi em 1904, durante uma dessas viagens, que ela conheceu Gus Wagner, um tatuador com aproximadamente 300 tatuagens espalhadas pelo corpo. Ele se encantou com Maud e, ao chamá-la para sair, a jovem disse que só toparia se ele a ensinasse a tatuar.

     

    Eles se casaram anos mais tarde, e tiveram uma filha, Lovetta Wagner, que seguiu os passos dos pais e começou a tatuar comapenas 9 anos de idade. A técnica usada por Maud e Gus era a tradicional “handpoked”, onde o desenho é criado de maneira totalmente artesanal, sem o uso de máquinas.

     

     

    Eles foram os últimos tatuadores a trabalharem com esse tipo de técnica no país, sendo que Gus foi também o primeiro tatuador a utilizar uma máquina elétrica. Maud faleceu em 1961 em Oklahoma, e Lovetta acabou se tornando uma reconhecida tatuadora, sendo que sua última tatuagem, em 1983, foi no famoso artista da Sailor Jerry, Don Ed Hardy.

     

    Fonte: http://www.hypeness.com.br

     

     

     

     

    Comentários

    • Não há comentários para esta postagem.

    Deixe seu comentário, sobre esta matéria.

    (0) Comentarios
Loja Goiânia

(62) 3093 1717

Newsletter

Para receber as novidades da Aldeia, cadastre seu e-mail aqui: